Multimídia

Notícias

Matérias e informações sobre iniciativas e temas de interesse nas áreas de atuação da Covac Sociedade de Advogados

Vagas não preenchidas no processo seletivo do Fies chegam a 41%

25 Aug 2016

O número de vagas não preenchidas no processo seletivo do Fies,  no segundo semestre de 2016, cresceu em comparação ao primeiro semestre. Apenas 8% das vagas não foram preenchidas em 2015, enquanto em 2016 esse número subiu para 41%, atingindo 102 mil das 250 mil vagas disponibilizadas. A estimativa é de que a proporção de preenchimento fique em torno de 45%.

O resultado deve-se a novas exigências na seleção e regras que reduzem o auxílio ao financiamento. Muitos alunos, apesar do interesse, não concluíram seus cadastros ou não atendiam aos critérios. É necessário que as IES estejam atentas as regras e aos termos jurídicos do contrato de forma a cumprirem a legislação vigente para o programa governamental.

Leia a matéria completa

Confira o informativo

Comentário da Covac Sociedade de Advogados

As novas regras do Fies envolvem, basicamente, o aumento da taxa de juros de 3,4% para 6,5% e a diminuição da renda familiar bruta de 20 salários mínimos para 2,5 salários mínimos per capita. Logicamente, este novo regramento impõe uma redução do universo de financiados. Aliado a este fato, existem também outros fatores  relacionados com a crise econômica, que geram desemprego e retração de renda.

Se formos levar em conta que o maior índice de desemprego atinge justamente jovens de 18 a 24 anos (patamar de 20%), podemos concluir que a juventude pode estar passando por um processo de desesperança, pois o que adianta endividar-se para se formar e não ter garantia de emprego?

A retomada do crescimento, a geração de novos empregos e a volta da confiança são fatores fundamentais para o estímulo e o aumento de matrículas no ensino superior junto às classes menos favorecidas, que são as maiores beneficiadas com o financiamento público dos seus estudos.

Dr. Gilberto da Graça Couto Filho